segunda-feira, 13 de julho de 2015

Ex-prefeita Toinha Carlos bateu o "martelo" e afirmou que o seu filho é pré-candidato a prefeito nas eleições de 2016.

A ex-prefeita Toinha Carlos "bateu o martelo" apagou o fogo cruzado dos ti-ti-tis na política de Ipu, ao afirmar que o seu partido terá candidatura própria para prefeito de Ipu em 2016 e ainda, o seu filho, Diego Carlos é pré-candidato como postulante da cadeira maior do "Paço Municipal". O anúncio aconteceu em visita da líder da família "Carlos" na emissora Rádio Regional, Programa Fatos em Debates, apresentado pelo âncora do programa, radialista experiente, Hélio Lopes nesta última sexta-feira (10-07-2015).
A participação da ex-prefeita deixou os aficionados do grupo "rochista", hoje opositores do atual prefeito de Ipu, Sérgio Rufino (PCdoB) afagos e aflitos com a idéia de Toinha Carlos assumir de vez o grupo de oposição, que diga-se de passagem, até a presente data ainda sem uma liderança concreta, as afirmações da ex-prefeita acendeu uma luz no final do túnel para o grupo maior de oposição, já que estamos próximos de mais um ano eleitoral.
O filho da ex-prefeita, empresário Diego Carlos em sua candidatura para prefeito de Ipu em 2012, obteve 9.502 votos perdendo para o prefeito vitorioso Sérgio Rufino com uma diferença de 2.031, se analisarmos os números, a família "Carlos" ocupa hoje, uma posição privilegiada como uma liderança dentro desta conjuntura oposicionista. Ainda nas vertentes e questionamentos, perguntar não ofende! O ex-prefeito Sávio Pontes teria essa posição e a força política de Toinha Carlos para liderar um grupo? e partindo em outros princípios deste grupo de oposição, a vereadora e empresário da Saúde, Efigênia Mororó teria o apoio de Toinha Carlos para encabeçar uma chapa?, digo isso, mesmo porque, a edil se lançou como pré-candidata no mesmo programa do FD. Deixo aqui meus questionamentos e só tempo irá responder.
Um outro nome que se especula é o do vereador Adriano Melo, embora o edil ainda não tenha se pronunciado sobre sua possível pré-candidatura para prefeito, eu faço aqui alguns questionamentos, Adriano Melo com sua postura firme em pronunciamentos na tribuna do Legislativo de zelar pela ética do que é correto, baseado neste pensamento, vejo que o edil como um legítimo representante do povo poderia está encabeçando junto com outros colegas um movimento para que a "Justiça" abra as suas gavetas e julgue os processos dos milhões surrupiados dos ipuenses da outra gestão. Não quero aqui nesta matéria, até pelos termos usados, menosprezar o vereador por isso, mais acredito que se ele mudasse sua postura, poderia ter os aplausos dos mais de quarenta mil habitantes desta terra de Iracema. Como isso ainda não aconteceu, ao meu ver, o nobre conterrâneo ainda carrega uma imagem muito negativa por está ainda muito ligado ao ex-prefeito Sávio Pontes.
Para alguns analistas políticos, o vereador Adriano Melo se quer ter uma candidato plausível como prefeito de Ipu já deveria ter "largado o osso" e ter rompido definitivamente com o grupo "chamuscado" dos "Savistas de carteirinha".
Finalizando neste primeiro momento analítico sobre a política e os fatos oriundos dela, os outros postulantes que estão ainda com nomes na "berlinda" dos ti-ti-tis, iremos analisar posteriormente.
*** Afrânio Soares (Da redação do Portal de Notícias Aconteceu Ipu).


# Compartilhar :

Tecnologia do Blogger.